domingo, 25 de dezembro de 2011

Por que não nos conhecemos antes?
Por que eu te deixei passar?
Eu quero você aqui comigo.
Deixa eu cuidar de você?

Would you lie with me and just forget the world?

domingo, 18 de dezembro de 2011

Você prometeu me dar a Lua, eu me contentava com o peçado de uma estrela. Eu me contentaria com menos que isso, eu me contentaria com um pedido de desculpas, sem promeças, mas desculpas, me contentaria ao começar do zero, me contentaria se eu tivesse você pra me dar apoio, para me fazer feliz, me contentaria em ser feliz de verdade, ao seu lado. Eu lembrei do beijo e do abraço. Eu senti o cheiro em outra pessoa, ouvi você falar que gosta de mim, mas ainda dói, tudo dói, o coração dói de uma forma horrível, uma força estranha dentro de mim. Não quero mentir para mim, não quero mais mentir para mim, não quero dizer que te esqueci, mas eu digo, eu digo porque eu quero te apagar, quero te tirar de mim como eu prometi que faria. Por esse motivo que eu não quero mais promessas.

domingo, 11 de dezembro de 2011

Você ainda é tão forte dentro de mim que eu tenho medo desse sentimento.

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Um

Tem um som maravilhoso, um batuque, um baque virado, uma emoção e um bocado de lágrima.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

por merecer

Perdi pra você aparecer, pedi pra você vir até mim e me dar tudo o que é meu, eu sei que existe muita coisa minha aí ainda. Eu sei, eu sei sim. Você não sabe, mas eu sei. Sei de muita coisa. Sei e se você vier perguntar o que é eu não vou dizer, não digo porque você não merece ouvir, não merece mais, elas são minhas, mesmo sendo suas, são minhas, acima de tudo.
Eu já te desejei de tudo, de bom e mau, já desejei você aqui agora a ler o que eu escrevo, desejei você longe como está, como você sempre foi, na verdade. Você sempre foi o ser frígido e distante. Não negue. Sabe, você não merece muita coisa da minha parte, nem as minhas podres palavras e sórdidos pensamentos da sua pessoa. Você não merece nada, pra ser clara. Então, por esse motivo, eu paro por aqui.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

calor

Eu penso em você diariamente.
Tem horas que eu te apago, tem horas que você me ferve.

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Green ou Grim?

Eu vejo as suas fotos e você está mais linda. A cada dia que passa sua beleza aumenta... a minha saudade também aumenta.
Eu sinto a sua falta. Eu queria poder vê-la todos os dias e dizer o quão importante você é para mim. Essa semana você me disse que eu era paciente, realmente, amiga, com você eu sou muito paciente.
Espero te ver uma hora dessas e tomar aquele próximo café que ficou pra semana que vem.
E que semana é essa que nunca chega?

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

asedequeda

abstinência

...

de abraços sinceros.

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Ela se apaixonava todos os dias, todos os dias ela se apaixonava e sofria por aqueles amores platônicos que ela cultivava. Eles iam embora junto com toda a felicidade, logo depois vinham outras paixões efêmeras e mais felicidades, coisas de segundos. Nada que a prendesse ao tempo. Sonhava, dançava, falava, se olhava no espelho e dizia coisas sem sentido, se assustava quando percebia que alguém prestava um pouco mais de atenção na sua loucura. Se olhou demoradamente no espelho, se sentiu egoísta, quis chorar, não chorou, aceitou.
Beijos os braços, escreveu histórias, contou outras, sonhou, sumiu.

terça-feira, 9 de agosto de 2011

quisera, meu Deus, quisera

"Quisera eu saber que você olha para mim como eu te olho, que pensa em mim como eu penso em você e me quer da forma que eu te quero. Quisera eu que você me quisesse como eu te quero."

Ao som de Zélia - Quisera eu

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

quero

Quero te ver.
Quero te ter.
Quero saber quem é você.

sábado, 23 de julho de 2011

pois sim.

odeio essa frase, mas, definitivamente, acho que o problema é comigo.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

porque eu valho mais

Não quero sentir por você essa saudade não merecida.

sexta-feira, 24 de junho de 2011

o copo foi ao chão e os cacos se espalharam, ela até tentou juntá-los, mas não conseguiu, chorou, sorriu, esperneou, sentiu-se suja, usada, burra, mas seguiu. viu que não valia a pena sofrer por algo que não tinha valor.

domingo, 12 de junho de 2011

não sei

Há dias, eu senti vontade de te escrever, mas não mandar. Só escrever.
Pensei em você e não sei como você está, por um momento, eu quis saber. Espero que esteja bem e feliz. Talvez eu tenha lembrado de você porque eu queira me desculpar de alguma coisa. Ou de tudo. Sei que eu te magoei muito com palavras, com atos, com várias coisas. Mas sei lá, pode ser que eu esteja um pouco sensível com os demais acontecimentos da minha vida, mas isso não tem nada a ver contigo.
Eu queria poder te ver um dia, te pagar uma cerveja, quem sabe fumar um cigarro e dar algumas risadas, não sei se isso será possível, acho que você é muito magoada comigo, acho que eu fui muito idiota, deixei algumas pessoas especiais passarem de verdade, não estou falando só de relacionamento, mas também de amizade. Acima de tudo, você era minha amiga, minha confidente.
Queria te contar da minha vida, ouvir a sua, saber da faculdade, dos namoros, da sua mãe, seu pai, seu irmão engraçado, sua sobrinha, dos seus sobrinhos, queria te contar da minha vida, do meu emprego, alguns planos.
Espero que um dia você possa me perdoar pelas coisas que eu fiz.
Raiva de você? Não, não tenho. Espero que essa que você tem de mim - ou a mágoa, não sei exatamente o que é, não sei nem se tem algo - um dia acabe e eu possa te pagar aquela cerveja do começo do texto.

sábado, 14 de maio de 2011

bo-ni-ta

de ti,
quero um cheiro.
um abraço,
um beijo,
desejo.

sim, vamos nos permitir.

domingo, 8 de maio de 2011

acrodei com saudade de você, bonita.

terça-feira, 3 de maio de 2011

Para um amigo mais que especial.

"Você não sabe o quão importante é para mim. Você não tem noção mesmo do quanto eu te amo e te quero bem"

Você é o amor da minha vidaaaa!

sábado, 30 de abril de 2011

eu sei que você consegue ouvir meu coração batendo

talvez eu saiba o que aconteceu comigo em vários momentos em que você esteve presente, e ainda mais naqueles momentos que você não esteve e esteve ao mesmo tempo. eu sei de tudo o que se trata, eu vejo coisas e ouço coisas. eu vejo você, eu me vejo e sinto. eu sinto, eu ainda posso sentir o meu coração pulsando quando você está próximo, eu tenho certeza que você consegue ouvir as batidas do meu coração e que eu não consigo disfarçar as mãos tremendo, mesmo quando estão baixas. sei que você vê as minhas mãos transpirando como uma cachoeira. e sei que você consegue ouvir o meu coração batendo.
e para ser mais exata, ainda estou à procura da felicidade - desta vez, sem egoísmo.
e nem resposta do resultado do jogo eu tenho. . .

domingo, 10 de abril de 2011

sobre a felicidade


chegou a hora em que ela queria ser feliz, queria voltar a ser feliz e se entregar novamente, acreditar em pessoas, acreditar no que diziam.é do tipo em que faz esforços, por mais que não pareça, mas ela quer sempre ter coisas boas na vida, como todas as outras pessoas que tentam ser normais como ela.ela, por diversas vezes, pensou que nada ia passar e que ela iria sobreviver, quis esquecer do mundo, quis sair do mundo, quis se afundar... mas ainda quis ser feliz.
e está sendo. se a felicidade acabar, vai continuar tentando.

*falar sobre felicidade é cliché e complicado, ainda mais quando está sentindo-a e não sabe como se expressar

domingo, 27 de março de 2011

não querer

é o fato de sentir a dor e a sensação de poder um dia pensar em ter você por perto novamente. (mesmo sem querer).

domingo, 13 de março de 2011

o amor nos mantém sempre jovens.
eu quero morrer de amor.
eu quero amor.
eu quero o seu amor.

domingo, 20 de fevereiro de 2011

pequeno

ela sentou-se num banco de madeira na frente da porta da cozinha, que dava para um quintal grande e bonito, junto com uma caixa de fósforos e um cigarro. acendeu-o sem preocupações, como se não tivesse que levantar cedo no outro dia e correndo o risco de não ter mais aquele emprego que ela já nem gosta mais, mas que ainda é necessário ficar por lá. ela estava sentada num ambiente como numa cidade pequena, longe de casa, mas como se essa casa, esse banco e quintal fossem dela, gostando de tudo aquilo, fazia com que tudo fosse dela, mesmo que, em alguma hora, ela tivesse que voltar a realidade.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

talvez.

talvez eu veja muito o que não existe em você. talvez você tenha tudo isso mesmo, mas não pode - ou não quer - compartilhar comigo. talvez eu tenha que fazer algo além - ou nada mais.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

pessoas

existem pessoas que permanecem com/em sentimentos, da mesma forma que existem pessoas que passam como um trem.

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

medo.

ela tem medo de tudo.

"Medo de dormir sozinho
e de acordar ao lado
de dormir sequinho
e de acordar molhado
de ouvir só um pouquinho
e dizer quero mais apaixonado
Medo!"

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

ainda sinto sono, mas quero falar.

hoje senti vontade de escrever sobre pessoas. mas nada de mais e nada muito complexo. as pessoas são egoístas e cruéis, ninguém vive aqui por ninguém e ninguém larga o que tem por outra pessoa, não que isso se cruel, mas o que eu quero dizer é: eu também sou assim. todos são assim e não precisa fingir pra ninguém e muito menos pra si mesmo que as coisas podem mudar ou ser diferentes - voltando - se surgir alguma coisa nova, sim, eu largo o que tenho e vou. digo isso e faria por que? porque eu já fui muito dependente de pessoas e não valeu a pena, elas fizeram tudo isso comigo.
não acho que isso seja errado, por que eu nem estou aqui pra dizer o que é certo ou errado. cada um sabe de si e sabe o que fazer. só que acordei agora com um bocado de coisa na cabeça. pode ser que amanhã eu tenha outros pensamentos e não faça nada do que eu disse agora, mas tudo pode mudar, como não pode.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

desco(nexo)

sau

da

de

do

chei

ro

de

so

no

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

do you wanna dance?


"do you wanna dance and hold my hand?
do you wanna dance under the moonlight?
Squeeze and kiss me all through the night"